Sistema de Arquivamento e Indexação de Documentos English | entrar | registrar | sobre  
Índice
Página principal
Documentos
Novidades

Ações
Consultar
Pesquisar
Exibir estatísticas

Pesquisar por:
Pesquisa avançada
Fale Conosco
Clique Aqui


Links Interessantes
Clique aqui

Consultar: 2009

Início > Graduação > Biomedicina > 2009

Título: As Bases Genéticas Da Perda Auditiva
Autor(es): Kátia Daliria Lorenzete
Palavras-chave:

Deficiência auditiva, conexinas, gene GJB2, síndromes
Descrição:
A cóclea é um órgão sensorial responsável pela audição sendo composta por células ciliadas e de suporte. A deficiência auditiva é o mais prevalente déficit sensorial da população em geral, podendo ser de origem genética ou determinada por fatores ambientais. A identificação de mais de 120 genes para surdez profunda providenciou novos estudos sobre a fisiopatologia da audição. O gene mais freqüentemente envolvidos com a perda da audição são aqueles que codificam as proteínas conexinas. Essas estruturas são subunidades protéicas que constituem as comunicações intercelulares do tipo gap. Esse tipo de junção apresenta estruturas semelhantes e são especializadas na passagem de uma ampla variedade de pequenas moléculas e íons. Nos países desenvolvidos a surdez tem uma importante origem genética e, pelo menos, 60% dos casos são herdados. O padrão de herança pode ser dominante, recessivo, ligado ao cromossomo X e mitocondrial...
Código: 1547
Informações adicionais:
Idioma: português
Data da publicação: novembro, 2009
Local de publicação: Araras, SP
Orientadora: Dra. Camila Andréa de Oliveira
Instituição: FHO-Uniararas
Nível: Trabalho de conclusão de curso (graduação)

Dono: admin
Categoria: Genérico
Formato: Documento PDF
Arquivo: KÁTIA DALIRIA LORENZETE.pdf
Tamanho: 519 Kb (531594 bytes)
Criado: 11-10-2005 14:51
Atualizado: 10-02-2017 20:13
Visitas: 1039
Downloads: 6

[Visualizar/Download]

Todo material disponível neste sistema é de propriedade e responsabilidade de seus autores.